Dúvidas Frequentes

Perguntas e respostas frequentes sobre a ferramenta

Como funciona a cobrança?

A cobrança é feita por créditos PRÉ-PAGOS, que você deve adquirir usando cartão de crédito ou boleto bancário. Depois, você só terá seus créditos debitados na ocasião de iniciar uma nova captura de provas digitais.

Posso fazer o registro a partir de um celular?

Para usar o serviço da Verifact é necessária uma tela com resolução maior que 1280 x 720, em telas menores o sistema não permitirá o início da captura.

O registro de provas que estão dentro dos celulares não são abrangidos neste momento pela Verifact.

Por que a navegação não é tão rápida no ambiente seguro?

Toda a navegação ocorre remotamente em um dos nossos servidores, portanto, a experiência de navegação não será tão rápida quanto acontece em seu computador. Em nossos testes, a velocidade dos servidores tem sido suficiente para a tarefa de navegar sem problemas.

Porém, a velocidade da SUA CONEXÃO pode afetar a sua experiência e dificultar a captura. Neste caso deve-se procurar realizar a captura com uma velocidade de internet suficiente para operar a plataforma.

Para que serve o Ambiente Seguro?

O Ambiente seguro atende à diversos requisitos de metologias periciais e, ao mesmo tempo, busca anular diversas possibilidades de interferência na captura técnica e seu conteúdo.

Entre os recursos do Ambiente Seguro, destacam-se:

• A renovação do ambiente a cada nova captura, impedindo contaminação de outras situações.  Seguida da destruição dos dados usando métodos seguros para evitar a recuperação das informações gravadas durante o processo;

• A coleta de dados ocorre fora do computador do usuário, nos servidores da Verifact, eliminando diversas possibilidades técnicas avançadas para se tentar interferir no processo de registro;

• A interação do usuário com o ambiente é limitada ao básico, desativando diversos recursos da navegação de internet que também poderiam ser usados para modificar conteúdos;

Qual a segurança para eu logar com minha senha no Facebook ou outros sites?

Toda vez que você faz uma captura, um novo ambiente seguro exclusivo é criado, sem qualquer influência do anterior. Neste ambiente as teclas digitadas não são gravadas, com exceção do registro visual em vídeo. Ao finalizar, o ambiente é destruído e todos os dados gerados na sessão (inclusive os cookies da autenticação) são apagados com sobreposição de dados randômicos por 5 vezes (Método Gutmann). Este procedimento não deixa vestígios da sua autenticação nos sites.

Além disso, toda a comunicação entre os servidores é encriptada com protocolos SSL/TLS seguindo os padrões de segurança do mercado.

Como a ferramenta preserva a prova de alterações após a captura?

Imediatamente após a geração dos arquivos resultantes da captura técnica, é gerado um laudo PDF que consta todos os códigos HASH dos arquivos.   Os códigos HASH são "impressões digitais" dos arquivos e, caso seja alterado um único dado sequer, o código será divergente do constante no laudo.

Depois, o laudo PDF é protegido com uma assinatura digital do Carimbo de Tempo ICP/BR.  Caso o laudo seja alterado, a assinatura perde a validade denunciando a alteração.

Este método é usado de maneira consistente por peritos em todo o mundo como forma de evitar alterações em documentos.

Adicionalmente, a Verifact implementou uma assinatura criptográfica usando algoritmos criptográficos post quantum com chaves privadas protegidas, este recurso será usado adicionalmente aos outros meios de validação no validador automatizado da plataforma.  Os algoritmos post quantum são conhecidos pela sua resistência a ataques de computadores quânticos.

Como faço para validar a integridade da prova?

No momento, o único meio de verificar se os arquivos não foram alterados é por meio do método manual de verificação constante dentro do laudo.  Que ocorre pela validação da assinatura digital do laudo técnicos e em seguida a conferência dos código HASH dos arquivos componentes da captura.

Logo disponibilizaremos uma verificação de integridade automatizada que facilitará a validação da prova.

Por que o vídeo foi usado na captura técnica?

A gravação permite captar áudios, vídeos (Youtube e outros), detalhes que possam passar despercebidos e todo o processo que levou até a informação registrada. Uma de suas funções também é dar contexto à prova, aumentando suas chances de ser considerada verdadeira. Além disso, o vídeo produz um material rico para uma possível perícia.

Existe, também, a opção de registrar telas estáticas (prints) a qualquer momento da captura. Estas telas serão incluídas em um pacote ZIP e dentro do laudo PDF.

Como a Verifact pode ser comparada à ata notarial?

Enquanto o tabelião usa da fé pública para certificar e criar uma prova de existência do material, a Verifact usa o Carimbo de Tempo ICP/Brasil.  Um recurso que faz parte do sistema de Certificação Digital Brasileiro, gerido pelo Governo Federal e responsável pelos certificados eCPF e eCNPJ.  Consiste em uma assinatura digital aplicada à arquivos PDF que prova de forma não refutável a data e hora da assinatura do documento.

Adicionalmente, a Verifact coleta diversos metadados técnicos da situação capturada que, no caso de dúvidas, podem embasar uma análise mais aprofundada do material por um perito técnico ou assistente técnico, tornando possível a validação do conteúdo.

Tudo realizado em um ambiente de alta segurança contra a contaminação ou fraude na captura do conteúdo.

Há garantias de que a captura técnica será aceita em juízo?

Cabe ao Juiz do caso a avaliação da validade da prova. Neste caso, nem mesmo os meios de prova típicos (isto é, previstos em lei como a Ata Notarial) podem garantir que os fatos por meio deles registrados terão efetividade como prova em juízo.

Porém, a Verifact oferece uma combinação de rapidez, prevenção de fraudes, detalhamento técnico e facilidade de acesso, superior aos meios mais usados no Brasil.

O rigor técnico, juntamente com a prova oficial de existência e a possibilidade de perícia dos registros feitos através da plataforma criam um material de alta confiança para ser usado em casos judiciais. Há diversos argumentos para serem usados na sua justificativa em nossa página de fundamentação.

Há mais detalhes sobre os fundamentos da Verifact na página de fundamentação.

WhatsApp Fale conosco